Vinhos Tintos EncorpadosA grande maioria das uvas tintas se presta à confecção de vinhos tintos encorpados.

Umas mais que outras, produzem vinhos encorpados de excelente qualidade.

Dessa forma, podemos encontrar vinhos tintos encorpados em quase todas as regiões produtoras. Os vinhos encorpados são resultado de uma estrutura maior dos elementos do vinho (álcool, acidez, taninos e materiais sólidos).

Aguarde a imagem carregar... Aguarde a imagem carregar...

Restaurante Miró – Bragança Paulista, 17 de maio de 2004
Confraria dos Prazeres – 7º encontro.

Esses vinhos, apesar de encorpados, nem sempre devem ser guardados ou envelhecidos. Mas quando devem envelhecer, o fazem por mais de 30 anos. A grande maioria está pronta para o consumo. Eles podem ou não passar por estágio em madeira (normalmente sim).

Existem algumas uvas que não originam vinhos encorpados. O melhor exemplo é a Gammay, famosa por produzir os Beaujolais.

Principais regiões

O mundo inteiro produz vinhos tintos encorpados. Relacionamos abaixo as principais regiões por país.

As principais regiões são:

  • França: Bordeaux e Rhone;
  • Itália: Piemonte;
  • Espanha: Priorato, Penedes e Navarra;
  • Portugal: Bairrada, Estremadura e Alentejo;
  • Austrália: Victoria e Centro Sul;
  • EUA: Califórnia (Napa Valley e Russian Valley);
  • Chile: Maipo e Maule;
  • Argentina: Mendoza e Rio Negro.

Principais uvas

As uvas mais comuns são:

  • Cabernet Sauvignon;
  • Merlot;
  • Grenache;
  • Nebbiolo;
  • Tempranillo;
  • Baga;
  • Aragonês;
  • Shiraz;
  • Tannat;
  • Malbec.

Vinhos degustados

01 – Rosemount – Cabernet Sauvignon / Merlot 2001
Origem: Austrália.
Importadora: Mistral.
Sensações Olfativas: Pouco manteiga, caramelo, frutas passadas. Não há vestígio de frutas fescas. Tabaco, ameixa preta. Álcool. Evoluindo para o açúcar queimado.
Sensações Gustativas: Encorpado, amargor de fim de boca, taninos para resolver (+/- dois anos).
Considerações Finais: Nota: entre 83 e 85. Custo estimado R$ 54,00

02 – Paterno – Rutherford Hill Cabernet Sauvignon 1996
Origem: Califórnia.
Importadora: Mistral.
Sensações Olfativas: Carvalho, coco queimado, baunilha, canela e cravo da índia.
Também um pouco de hortelã.
Considerações Finais: Nota: 85. Custo estimado R$ 87,00.

03 – Chateau La Croix Cânon – Corte Cabernet Sauvign, Cabernet Franc e Merlot 1999
Origem: França.
Importadora: Mistral.
Sensações Visuais: Anel de evolução não aparece.
Sensações Olfativas: Azeitona verde, carne crua, pouco de abacate, madeira (educada), pouco caramelo, subois, casa velha.
Considerações Finais: Produzido por um dos irmãos que faz o Petrus. Pode ser guardado por 6 ou 7 anos. Custo estimado R$ 116,00.

04 – Altos Las Hormigas – Malbec 2001
Origem: Argentina.
Importadora: Mistral.
Sensações Olfativas: Morango, tabaco (pouco), plástico (PVC) e ricota defumada.
Considerações Finais: Bom custo benefício. Custo estimado R$ 35,00.